Desde 1984
Geral
03 de Abril de 2020
Comércio segue fechado até chegada de testes, diz assessor
A determinação para manter os estabelecimentos comerciais fechados em João Monlevade deve permanecer, pelo menos, até o dia 15 de abril, quando devem chegar os testes rápidos do coronavírus. A informação é do assessor de Comunicação da Prefeitura de João Monlevade, Will Jony Gomes Nogueira. Ele disse que, conforme estabelecido em reunião na última sexta-feira (27) para debater a calamidade de saúde provocada pelo COVID-19 e as implicações do isolamento social sobre o comércio e a sociedade monlevadense, “não há a mínima segurança para a saúde coletiva ou individual que permita a reabertura regular do comércio na semana dos dias 30 de março a 5 de abril”.

Porém, o assessor relembra que o segundo item da nota afirma que “a relativização da reabertura do comércio somente poderá ter início depois que houver testes rápidos suficientes à disposição da população, o que ocorrerá em abril, a partir da segunda semana do respectivo mês. A indicação é que a abertura dar-se-á, quando possível, de forma controlada”.

A nota é assinada por representantes da Associação Comercial, Industrial e Prestação de Serviços (Acimon); Associação Médica de João Monlevade e Hospital Margarida; 17ª Cia de Polícia Militar e da Prefeitura Municipal de João Monlevade.

O grupo também reforça que o sistema hospitalar tem sido expandido para atender eventual necessidade de internação, mas, ressalta-se que jamais seriam suficientes, em caso de contaminação em ritmo acelerado da população.