Social
1 de julho de 2016

Marcello Mourah 2211

Insegurança

A cada dia que se passa, eu tenho mais medo e receio de circular pela cidade. Agora, independentemente de ser dia ou noite, atos de violência aumentaram e muito. Meninas sendo abordadas na porta do colégio ou até mesmo trabalhadoras sendo subtraídas na porta de suas residências. Isso, fora todos os incidentes ocorridos durante a promoção dos Jogos Estudantis (JEMG). Uma ação conjunta entre os poderes deveria ser a solução para esses problemas, que não eram assustadores há tão pouco tempo. E eu me pergunto: O que falta para que de fato a cidade volte a ser pacata, limpa e segura? Um pulso mais forte? Leis sendo cumpridas? Ou a voz mais ativa dessa população que já está cansada de ser mutilada?