Desde 1984
Geral
07 de Agosto de 2020
Prefeita volta atrás e “ponto da discórdia” retorna à Praça Domingos Silvério
A novela do ponto de ônibus da Praça Domingos Silvério parece ter finalmente chegado ao fim. A Prefeitura de João Monlevade anunciou que a parada finalmente retorna ao seu local de origem a partir deste sábado (8), deixando a avenida Wilson Alvarenga. O anúncio foi feito pela recém-nomeada diretora-executiva da Fundação Crê-Ser, Naira Ananias, à Global FM.

A polêmica começou em setembro de 2017, com as obras de revitalização da praça Domingos Silvério (antigo “ponto fiscal”), que forçaram que o ponto de ônibus fosse deslocado para cerca de 120 metros adiante. A cobertura foi instalada bem diante de duas lojas, cujos pontos pertenciam ao mesmo dono, João Nepomuceno de Oliveira. Ela reclamou que os estabelecimentos sofreram sensível queda nas vendas, ficavam sem segurança e com a fachada suja, e chegou a ajuizar uma ação pedindo a retirada da parada. As lojas, que eram alugadas, deixaram o local e, bastante desgostoso com o episódio, Oliveira faleceu em março do ano passado.

Em novembro de 2019, a Prefeitura anunciou que o ponto voltaria para a praça, mas em janeiro deste ano, anunciou que seria feita uma pesquisa de opinião com os usuários. Na entrevista à Global, Ananias disse que, numa primeira sondagem, o público queria a manutenção da parada na avenida Wilson Alvarenga, mas na segunda, a “esmagadora maioria” dos passageiros queria o retorno para a praça Domingos Silvério. Isso, somado a uma manifestação formal dos proprietários do imóvel, levou o Executivo a providenciar a mudança, depois de três anos de polêmicas e a três meses ds eleição.